6.1.09

OS TEMPLÁRIOS e seus segredos

A ordem dos Templários, primitivamente chamada de " Pobres Cavaleiros de Cristo e do Templo de Salomão ", terá sido fundada em 12 de Junho de 1118, por nove cavaleiros com a intenção de defender Jerusalém e guardar o Santo Sepulcro dos infiéis , bem como proteger os peregrinos que se dirigiam á Terra Santa. Esta era a justificação oficial, pois parece que Hugues de Payens e os seus oito companheiros tinham por missão descobrir a Arca da Aliança que Salomão teria para ali mandado. O interesse pela Arca não seria só religioso mas também pelos segredos escritos que conteria, uma sabedoria antiquíssima que Moisés teria adquirido na sua iniciação em terras do Egipto. Esses escritos das Tábuas da Lei, não destinados ao conhecimento público, formariam uma enciclopédia compacta de natureza científica, escrita em linguagem codificada. A ideia dos cavaleiros era pôr em prática, com muito cuidado e de forma experimental, a verdadeira Lei Divina , a chave dos segredos do Universo,para bem da humanidade. Terá sido o rei Baldwuino II quem recebeu os nove cavaleiros, tendo estes permanecido em Jerusalém, durante vários anos , em trabalhos de pesquisa nas ruínas do Templo de Salomão. Estes trabalhos secretos de pesquisa devem ter dado resultado pois quando regressaram á Europa vinham cheios de glória e sabedoria , tendo este regresso coincidido com a aparição brusca das catedrais góticas. Saliente-se que o estilo gótico não foi uma evolução da arquitectura romana que a precedeu, era algo de novo. A arquitectura romana baseia-se numa força que actua de cima para baixo, com a cúpula redonda a pressionar ,com o seu peso, os muros ou paredes, estabilizando assim a construção. Os arcos em ogiva da catedral gótica baseiam~se na pressão que age de baixo para cima, numa tensão dinâmica que exigia cálculos constantes que superavam os conhecimentos da época. Os Templários revolucionaram também a agricultura praticando uma racionalização até então desconhecida. Outro facto misterioso está no campo financeiro: se os reis estavam, normalmente, sem dinheiro, as cidades eram pequenas e pobres, o que estaria por detrás da construção de várias catedrais góticas que consumiam somas astronómicas? De onde vieram os operários especializados, do arquitecto ao escultor? Esta classe de operários, treinada numa técnica nova era livre para, em caso de necessidade, se deslocar de uma obra para outra , originando assim os " pedreiros livres". Mas há mais mistérios !Como é que somente nove cavaleiros conseguiam proteger os peregrinos, guardar o Santo Sepulcro e defender Jerusalém ? Se os Templários juraram pobreza, como se tornou a Ordem uma das mais ricas, chegando ao ponto de financiarem os reis e o Papa ? Se existiam os cruzados para conquistar Jerusalém para quê os Templários ?Tudo muito estranho ! Diz-se que os nove cavaleiros ao instalarem-se nas ruínas do Templo de Salomão, encontraram os túneis secretos que levavam ao tesouro da biblioteca onde estavam guardados os segredos da arquitectura gótica, de navegação, de astronomia e outros, bem como as tábuas da Lei e a Arca da Aliança. A Ordem do Templo era constituída por vários graus sendo o primeiro o dos cavaleiros. Tinham graus inferiores como clérigos, irmãos servidores ,criados e artífices. Embora a Ordem tenha sido abalada na sua razão de ser quando o sagrado sepulcro foi tomado pelos muçulmanos, ainda era poderosa e imensamente rica. A corte de França e o Papa deviam-lhe dinheiro ,pelo que essa riqueza passou a ser cobiçada pelo rei de França , Filipe ,o Belo. Os Templários corriam perigo, pois o rei já havia confiscado os bens dos lombardos e judeus , expulsando-os. O rei sabia que os Templários possuíam 150.000 florins de ouro, 1o.000 casas e solares,inúmeras fortalezas ,pratas ,ouro e jóias por toda a Europa. Desta feita Filipe e o Papa, ajudados por opositores de outras Ordens, armam uma cilada , acusando os Templários de hereges. Em13 de Outubro de 1307 o rei manda prender todos os templários e o seu grão-mestre Jacques de Molay que, submetidos a torturas pela Inquisição, acabam por confessar o que o Rei e o Papa pretendiam, mesmo não sendo verdade. O Papa, para se livrar da dívida tenta ,através do Concílio de Viena de 1311 , acabar com a Ordem dos Templários. Não o conseguindo, convocou em privado um outro ,em 22 de Novembro de 1312 . Neste aboliu a Ordem , admitindo não haver provas de heresia. As riquezas dos Templários foram confiscadas em benefício da Ordem de S: João, embora grossa parcela fosse parar aos cofres do Rei Filipe. Em Portugal, o rei D. Dinis não aceita as acusações e funda a Ordem de Cristo para a qual passou alguns Templários. Desta forma os segredos ciosamente guardados pela Hierarquia Interna da Ordem que diferia da Hierarquia Externa que era profana e militar, vieram parar ao nosso país em1307. Em 1416, o Infante D.Henrique torna-se grão-mestre da Ordem de Cristo e deve ter tido acesso aos segredos fenícios de marear. Um deles seria a possibilidade de navegar no hemisfério sul e encontrar um caminho para oriente, o que foi realizado por Vasco da Gama. Não é por acaso que as caravelas ostentavam, nas velas, a Cruz de Cristo(em fundo branco), que era uma pequena alteração da Cruz dos Templários.


Em 1550, D.João III convence o Papa Júlio III a fundir as duas hierarquias e com isso os réis de Portugal passam a ser Grão- mestres, com acesso aos segredos dos Templários. Ora os Templários tinham, como já dissemos,relatórios de navegadores que já haviam percorrido regiões desconhecidas ,e preciosidades como as tábuas de declinação magnética que corrigiam as bússolas. Á medida que as navegações avançavam, eram feitos novos mapas astronómicos que forneciam orientação pelas estrelas no hemisfério sul a que só os iniciados tinham acesso. Pedro Álvares Cabral, estava no comando da esquadra porque era Cavaleiro da Ordem de Cristo e tinha por missão tomar posse de terras secretamente conhecidas,isto é.o Brasil. A sua presença era indispensável pois só a Ordem de Cristo tinha autorização para ocupar territórios de infiéis. Assim, e a coberto de uma tempestade, desgarra-se da frota com destino a oriente, ruma em sentido contrário e vai ter a terras de Vera Cruz. A Espanha tradicional adversária de Portugal e sem estes conhecimentos de navegação, faz uma política contrária junto do Vaticano para minar o monopólio da Ordem de Cristo e assim, em1492, o Papa Alexandre VI (um espanhol de Valência) reconhece em duas bulas, o direito de posse dos espanhóis sobre o que Colombo havia descoberto, rejeitando as reclamações de D.João II de que as novas terras pertenceriam a Portugal. Este diferendo entre Portugal e Espanha levou a que estes , em 1494, negociassem um tratado para dividir o novo mundo, o Tratado de Tordesilhas .Portugal saiu-se bem deste acordo: os espanhóis, pelas bulas papais, tinham direito às terras situadas a mais de 100 léguas a oeste e sul dos Açores e Cabo Verde, mas pelo Tratado de Tordesilhas essa linha imaginária passou para 370 léguas e, desta forma , as terras descobertas por Cabral estariam sob alçada de Portugal, facto que os nossos vizinhos desconheciam. Muito mais se pode imaginar dos segredos que os Templários possuiam e como estes foram sendo guardados e transmitidos através de Sociedades Secretas, mas não há provas concretas , por isso ficamos por aqui .
««

4 comentários:

Anónimo disse...

Finalmente fiquei sabendo duma coisa que sempre me intrigou,e daí os meus parabéns pelo seu escrito.

Seu admirador

Mário Portugal

Anónimo disse...

Caro Joaquim:
Venho seguindo o seu interessante blog desde há meses, mas hoje não resisto a dizer-lhe que nunca li tanta patranha junta como neste seu último post! Só lhe faltou dizer que o Templo de Salomão foi edificado no estilo gótico flamejante e o palerma do rei D. Sebastião, feito Grão-Mestre templário, com acesso aos tais segredos, era um poço de sabedoria milenar. Ora bolas!
Cumprimentos de um leitor devotado.

J.A. disse...

RESPOSTA AO COMENTÁRIO DE 1 DE FEVEREIRO ...As fontes de recolha de dados foram variadas e todas apontam no mesmo sentido.Se tiver outras que contrariem o gótico repentino,ou das leis fisicas opostas ao arco romano bem como as navegações fenicias ou ainda factos históricos que mostrem os reis católicos e a inquisição nada terem a ver com o assunto,ou ainda que o descobrimento da américa foi um acaso,etc,agradecia mas envie para eu rectificar o trabalho e até poder informar o autor de um artigo em uma revista espanhola ,(de onde tirei alguns dos elementos,não todos) que está equivocado NÃO ESQUEÇA TAMBÉM O TITULO DA ETIQUETA, e as interrogações que ponho no texto.De qualquer forma agradeço ser leitor do NOVAS e espero que continue a sê-lo e mande sempre a sua crítica por esta via já que não se pode fazer pela outra. Para si os meus sinceros 73(dá para entender?)

Paulo Cardim disse...

Alguem que tenha acesso a alguns artigos da época, possa verificar quem foi o navegador que levou os Templarios a nova terra??
Porque foram descobertas escritas templarias em rochas antes dos descobrimentos, em Rhodes Island e certas partes dos estados unidos. Eu acho que alguem da Nova ordem de Cristo sabia dessa nova terra, foi por isso que o Rei D. DInis ja deveria ter conhecimento mudou o nome e da Ordem e autorizou a expediçao, Todos falam de os Templarios levarem o tesouro com eles para a Escoçia, mas penso que seja uma forma de um plano para iludir na altura quem os perseguia e proteger o grande segredo, acho k tenha vindo para Portugal e dai partido em segredo para a nova terra. Até colocaram as velas das Caravelas com o simbolo Templario.

Arquivo do blogue